Our bodies are given life from the midst of nothingness. Existing where there is nothing is the meaning of the phrase, "form is emptiness." That all things are provided for by nothingness is the meaning of the phrase, "Emptiness is form." One should not think that these are two separate things.
Qui Mariam absolvisti
Press F11 for full screen mode
1.0.1: Apanha-me se conseguires, praia

eu versão 1.01

__________________________________________________________________________________________________________________
http://snowce.tumblr.com http://inscriesblogspot.com http://comicartappreciation.tumblr.com http://grantbridgestreet.tumblr.com http://satangelica.tumblr.com http://blogue-job.blogspot.com http://artic-bar.blogspot.com http://corpestranhoblogspot.com http://escreve-com-sentimentos.blogspot.com http://.cante.chaoblogspot.com http://habitoescarlate.blogspot.com http://lysavetablogspot.com http://aidamonteiro.blogspot.com http://gotikkablogspot.com http://witch-contemplativa.blogspot.com/ http://pornoagrafia.blogspot.com http://terrasdegoreblogspot.com/ http://espaco-da-mariablogspot.com/ http://gothland666.blogspot.com/ http://vertigens1.blogspot.com/ http://pas-s-agesspot.com/ http://comaluzacesaspot.com/ http://aantecamaradaloucuraspot.com/ http://inconfidenciasdamariazinhaspot.com/ http://casadeosso.blogspot.com/ http://un-dress.blogspot.com/ http://anaabrunhosa.blogspot.com/ http://tradital.blogspot.com http://ponyxpress.wordpress.com/ http://dirty--vegas.blogspot.com/ http://sexosemnexopt.blogspot.com/ http://voosdeumanjonegro.blogspot.com/ http://sapatodecristal.blogspot.com/ http://veludosangue.blogspot.com/ http://ask-im.blogspot.com/ http://le-droit-d-aimer.blogspot.com http://voyeurdeblogs.blogspot.com/ http://elaelaela.blogspot.com/ http://mulholland-drive.blog-city.com/ http://polegarverde.blogspot.com/ http://umvoodeseda.blogspot.com/ http://bookofsorrow.blogspot.com/ http://artital.blogspot.com/ http://mariavaicomasostras.blogspot.com/ http://musgu.blogspot.com/ http://anapaulasenabelo.blogspot.com/ http://funfurde.blogspot.com/ http://pinknotdead.blox.pl/html http://choosearoyal.blogspot.com/ http://coisasqvoam.blogspot.com/ http://souputaegosto.blogspot.com/ www.myspace.com/backstageslutz http://www.aperfectcircle.com/ http://www.controverscial.com/Invocation http://www.pussycalor.com
__________________________________________________________________________________________________________________

20070830

Apanha-me se conseguires, praia





















"Vem por aqui" --- dizem-me alguns com olhos doces,Estendendo-me os braços, e seguros De que seria bom se eu os ouvisse Quando me dizem: "vem por aqui"! Eu olho-os com olhos lassos, (Há, nos meus olhos, ironias e cansaços) E cruzo os braços, E nunca vou por ali... Se ao que busco saber nenhum de vós responde, Por que me repetis: "vem por aqui"? Se vim ao mundo, foi Só para desflorar florestas virgens, E desenhar meus próprios pés na areia inexplorada!O mais que faço não vale nada. Como, pois, sereis vós Que me dareis machados, ferramentas, e coragem Para eu derrubar os meus obstáculos?... Eu amo o Longe e a Miragem, Amo os abismos, as torrentes, os desertos... Deus e o Diabo é que me guiam, mais ninguém. Todos tiveram pai, todos tiveram mãe; Mas eu, que nunca principio nem acabo, Nasci do amor que há entre Deus e o Diabo. Ah, que ninguém me dê piedosas intenções! Ninguém me peça definições!
Ninguém me diga: "vem por aqui"! A minha vida é um vendaval que se soltou. É uma onda que se alevantou.É um átomo a mais que se animou... Não sei por onde vou, Não sei para onde vou, Sei que não vou por aí.


Na verdade já não vou por aí nem por acolá. Não vou a lado nenhum, fico já aqui. Encontrei a minha praia. Deus e o Diabo que se fodam os dois, com o devido respeito.














Once I wanted to be the greatest, No wind or waterfall could stall me, And then came the rush of the flood, Stars of night turned deep to dust, Melt me down Into big black armour, Leave no trace of grace. Just in your honor Lower me down, Pin me in, Secure the grounds For the later parade. Once I wanted to be the greatest, Two fists of solid rock, With brains that could explain Any feeling. Lower me down, Pin me in.
Secure the grounds.














------------------
Textos por ordem de chegada: 1) adaptado de "Cântigo negro" de José Régio, 2) versão 0.02 "I found my beach", 3) adaptado de "The greatest" de Cat Power.
------------------

9 Comments:

Blogger NARNIA said...

Zerinhos
Sempre o Bom gosto na forma como "decoras" este espa�o. Jos� R�gio (gosto)

BJGRANDE Sapinho verde

Sunday, September 02, 2007 12:13:00 am  
Anonymous lya said...

your the greatest :)

back!

beijo

Sunday, September 02, 2007 6:37:00 am  
Blogger 0.02 said...

Olá Olá:)

sejam bem regressadas ao dia-a-dia e ao vento de outono.

muitos

beijos!

Sunday, September 02, 2007 8:24:00 am  
Blogger A. said...

...








http://ask-im.blogspot.com/2006/12/jean-baptiste-carpeauxb.html


a.braço.

Sunday, September 02, 2007 1:37:00 pm  
Blogger _E se eu fosse puta...Tu lias?_ said...

Adaptaste um dos poemas que mais gosto ou q mais cito....ou no q mais me sinto.
Cada ves admiro mais o teu blog!
***********

Sunday, September 02, 2007 3:45:00 pm  
Blogger 0.02 said...

A:
Salvé regina,
que declamação!
penso que pelo tipo gorducho que lia pessoa como ninguém, Vilaret! é esse o nome.

Os pés estão extremamente bem apanhados, é isso mesmo. o que eu fazia com os pés quando ia por onde dizia este poema

Tuesday, September 04, 2007 7:52:00 pm  
Blogger Maria Ostra said...

Ele há coisas!... Estive hoje a trautear o "cântigo negro", fica sabendo!

Tuesday, September 04, 2007 10:26:00 pm  
Blogger A. said...

... sei que não posso elevar nada por aqui. sei pouco. sei simples. sei também que o meu Dia Positivo será sempre o de hoje, o de agora. momento... por transparência, ou projecção.


«E ele pensava. Tu és o ser mais frágil luminoso e enternecedor que conheci.

...nunca haverá palavras, nunca bastam. Nunca saberei explicar que a morte é agora um fruto outonal, docemente cruel. E é em ti que a vida se tornou mais exigente, e também o olhar, e também o corpo, e também os móveis e a casa, e os copos, e o lume, e o ar, e a febre, e a dor e o retalhar da pele, e o pulso, e o bater do coração. E que uma vida mais exigente é na sua exigência a morte mais evidente.
Estendo uma toalha vermelha para a cerimónia do teu corpo. Sobre o mar em que navegas nadas como um marinheiro louco. Na praia está um um homem. Vejo-o daqui. Com a ponta do pé escreve o teu nome. E ao ver a onda que cresce abre a janela que desenhou... cai, cai lentamente. Só o vento o acompanha na areia da praia, náugrago de tantos dias de uma fome excivamente negra... e começa a nascer junto a ti, e começa a morrer quando está longe de ti.

Feliz é aquele que te escreve antes de_________________adormecer.

E sorri.»



E.P.C. in Dia Por Ama.

________________________________...




[...e não precisas comprar.]

Saturday, September 08, 2007 2:24:00 am  
Blogger 0.02 said...

:)
*

Saturday, September 08, 2007 5:36:00 am  

Post a Comment

<< Home